sábado, 10 de setembro de 2011

Depoimento da Dra. Silvia Velletri, depois de duas semanas de trabalho intenso


A Dra. Silvia Vianello di Velletri prestou serviço voluntário no abrigo/ambulatório da SIMABÔ no passado mês de Junho, quando operou 110 animais em apenas duas semanas. Além da esterilização, fez várias outras intervenções cirúrgicas, como extracção de tumores mamários, entre outras.


Palavras da veterinária, em jeito de balanço: “A experiência com a SIMABÔ foi além de qualquer expectativa, de uma forma positiva é claro.”


Contudo, antes da partida, toda a informação trocada por e-mail sobre protocolos, o que fazer e não fazer, deixaram a médica um pouco preocupada. Tinha ficado claro que não se tratava de férias mas sim que era um grande compromisso “e que se não fôssemos capazes de lidar com o stress era melhor desistir”. De modo que a veterinária partiu para Cabo Verde não muito relaxada sobre se conseguiria fazer um bom trabalho. Mas tinha dado a sua palavra e disponibilidade.

Depois da chegada, os primeiros dias de trabalho, segundo ela, foram difíceis, pois as condições eram muito diferentes daquilo com que está habituada na Itália. Mas passada essa fase, começou a ver tudo com uma luz diferente. “Sendo capaz de ajudar cada dia mais e mais cães e gatos foi aumentando em mim o desejo de fazer mais e o cansaço e o medo foram desparecendo, de forma que os dias se passaram muito rapidamente”, diz.

“Se possível, eu não teria ido para casa tão cedo: nessas duas semanas tive mais satisfação que em 10 anos de trabalho na clínica, com os proprietários de cães que eu tive o prazer e a honra de tratar mostrando a sua gratidão, deixando-me literalmente sem palavras”, diz a Dra. Silvia Vianello di Velletri no seu depoimento.


“Não foi um mar de rosas, eu também encontrei proprietários que não se importam com seus animais, e trabalhar e visitar cães infestados (muito) de pulgas e carrapatos nem sempre é fácil e agradável.” Mas no final dessa temporada, o que a Dra. Velletri diz é: “Certamente no ano que vem eu vou fazer de tudo para voltar e espero não apenas por duas semanas!”.






Sem comentários:

Enviar um comentário